ESTE BLOG DESTINA-SE À POSTAGENS DE POESIAS, POEMAS E/OU CRÔNICAS DE CONTEÚDO LITERÁRIO. ESTE ESPAÇO TAMBÉM É ABERTO A TODOS QUE TIVEREM INTERESSE NA PUBLICAÇÃO DE SEUS TRABALHOS, REGISTRANDO A DEVIDA AUTORIA. OBRIGADA POR ME SEGUIREM E POR PRESTIGIAREM ESTE BLOG.

sábado, 30 de junho de 2012




A  DOR  DA  SAUDADE
  
(Maria Paraguassu)

  
Meus olhos ainda te vêem nos sonhos.
Quando eu adormeço,
O amargo fel que sinto na boca,
É da falta dos teus beijos...

Já faz tanto tempo
Que não nos vemos mais...
E dói, ainda, no peito
Esta maldita saudade
Que corrói minhas entranhas,
E põe-me a chorar em prantos...

Aí acordo e lembro
De quando chegavas e me abraçavas.
E eu era levada pelo carinho
Dos teus braços...

Hoje, descubro-me só e cansada
De sofrer de amar, de chorar.
Nas recordações do passado,
Busco um alívio para esta saudade...
Mas só encontro ... mais saudade.
E como dói sofrer assim !

8 comentários:

  1. L'amore può provocare anche sofferenza. Bella e intensa lirica Paraguassù! Complimenti

    ResponderExcluir
  2. Saudade que rodeia, que está por perto e que inspira lindos versos.Beijos.

    ResponderExcluir
  3. É uma saudade que não morre.Belos versos (apaixonados).
    Bom final de semana.
    Abração.

    ResponderExcluir
  4. Oi querida Maria,

    Saudade é uma palavra só nossa, somente existe na Língua Portuguesa e em seu poema ela tomou corpo e voz.
    É tormentoso desejar alguém que partiu, que se afastou, e quanto mais nos tentamos desembaraçar desse sentimento, mais ele anda preso a nós.
    Voltei, hoje, às "lides" bloguistas.

    Bom Domingo.
    Beijos afetuosos da Luz.

    ResponderExcluir
  5. Olá Maria !!!

    Lindo seu texto sobre este sentimento que já passou passará ou está presente em nossos corações... A saudade sempre dói intensamente em qualquer situação e não descobrimos ainda como tirar este peso do coração a não ser tendo de volta o objeto de nossa saudade... e quando isso não é possível, só podemos contar com a ajuda do amigo Tempo para amenizar nossa dor... Seu texto descreve com muita beleza e intensidade este sentimento ;)

    Grande beijooo e que sua semana seja linda :)

    ResponderExcluir
  6. A saudade é um sentimento que que nem sempre é fácil de se conviver.
    Bela poesia.
    Beijos,
    Élys.

    ResponderExcluir
  7. Lindo, aplaudo!
    E que minhas saudades se acalmem e que calem; que me deixem viver na parte que me cabe neste louco latifúndio.

    Com carinho, Maria!
    Beijos
    Tais

    ResponderExcluir